sábado, 11 de abril de 2009

Uma Questão da Saudade

Nas Terras de um Sentimento Lato



A saudade emburacou
E ergueu assentamento
Chegou-se de mala e cuia
Confiscou meu pensamento
E alegou legalidade
Na improdutividade
Do meu lato sentimento

E tendo tentado tudo
Pra findar essa invasão
Apelei pro advogado
Do escritório da razão
Falei desse assentamento
Da invasão no sentimento
e pedi reintegração

Contei da separação
Nos caminhos da lonjura
Falei do tempo que corre
Agravando a conjuntura
Disse qu’este é o motivo
De estar improdutivo
Meu amor, minha loucura

E o doutor disse: Se acalme
Não precisa exaltação
Esse caso tem saída
Sem muita complicação
Volte pra perto d’amada
Faça lá sua morada
Que a saudade é expulsada
Pelo usucapião...

Timbaúba, 10/04/2009.

4 comentários:

Roserlei disse...

Minino Jessé

...que LINDO,
ABRAÇO, Seja feliz.
FELIZ PÁSCOA.
Roserlei

Carolina disse...

Jesséééé que lindoooo
^.^
=*

YullyAngel. disse...

lindo! =D

welma disse...

adorei!